É bem verdade que atualmente é tranquilamente possível você nos consultar para um projeto completo de piscina natural para a sua residência, chácara, sítio, casa de praia, etc. Piscinas naturais fazem parte do nosso portfólio de produtos por já por algum tempo e, modéstia a parte, são também uma das nossas especialidades.

Enquanto essa nossa conversa não acontece, vamos falar um pouco sobre as piscinas naturais que podemos encontrar perto da cidade de São Paulo. Quem vive na Região Metropolitana de São Paulo sabe o quanto a rotina diária, talvez mais que qualquer outro lugar do Brasil, é dolorosa. Trânsito, correria, violência, estudo, trabalho, etc., tornam a nossa vida uma verdadeira batalha e, assim como qualquer ser humano normal, determinada hora não aguentamos e precisamos de um lugar para relaxar.

Embora muita gente não saiba, o estado de São Paulo também é privilegiado em termos de opções de lazer seja no litoral ou seja no interior e, por isso, nesse artigo em duas partes, vamos destacar oito piscinas naturais que podemos escolher como recanto para o nosso merecido descanso.

1 – Itaguaré – Bertioga (SP)

Provavelmente você já deve ter ouvido falar sobre. Riviera de São Lourenço. Pois é, a piscina natural da Praia de Itaguaré é sua vizinha. Por ser pouco conhecida, a praia acaba sendo mais preservada e ideal para quem quer menos “bagunça” e mais natureza. Por conta de um rio que deságua na praia, lindíssimas piscinas naturais são formadas e então é só aproveitar.

2 – Cachoeira da Lage – Ilhabela (SP)

Uma caminhada de cerca de uma hora por uma trilha a partir da Ponta de Sepituba é o tempo necessário para se chegar a Cachoeira da Lage em Ilhabela, no litoral norte do estado de São Paulo. Se você acha que é muito, então espere até ver uma grande piscina natural e seus vários tobogãs formados por pedras. A trilha é a mesma que leva a Praia do Bonete.

3 – Cachoeira do Paquetá – Ilhabela (SP)

Também localizada em Ilhabela, para chegar a Cachoeira de Paquetá, basta que seja percorrida uma trilha de alguns minutos por dentro da mata. De acordo com os mais conhecedores de Ilhabela, mesmo que a cachoeira não esteja entre os pontos turísticos mais tradicionais, é visita-la nos dias da semana, uma vez que o acesso fica mais facilitado por conta da menor quantidade de turistas.

4 – Praia de Guaecá – São Sebastião (SP)

É o tipo de praia para quem curte tanto as ondas quanto as águas tranquilas. Mar cristalino e areia branquinha são duas das principais características do local. Uma piscina natural é encontrada no lado direito. Lugar ideal para quem gosta de apreciar a paisagem e não é preciso muita sorte para poder encontrar algumas espécies marinhas “rondando a área”.

Até o próximo!